Brasileiros mortos no Chile identificados

Na última quarta-feira (22), 6 brasileiros foram encontrados mortos em apartamento no Chile. Eles teriam sido vítimas de um vazamento de gás.

Entre as vítimas, o pai Fabiano de Souza, a mãe Débora Muniz Nascimento de Souza, e os dois filhos: Caroline Nascimento de Souza, que faria essa semana 15 anos, e Felipe Nascimento de Souza de 13 anos. A família é do Sul do país, Santa Catarina.

Além deles, o irmão de Débora, Jonathas Nascimento Krueger de 30 anos, e sua esposa Adriane Krueger de Goiânia, também morreram.

Segundo uma prima, a mãe de Débora e Jonathas teria também falecido na madrugada de quarta, então eles estavam decididos a voltar.

A agência de notícias local informou que eles teriam inalado monóxido de carbono. Como estavam sentindo um mal estar físico, pensaram que foram envenenados, e chegaram a pedir ajuda ao Cônsul brasileiro que se dirigiu ao local, acompanhado de policiais. Quando chegaram, tiveram que invadir o apartamento onde encontraram os corpos.

O Itamaraty afirmou que exames serão realizados para determinar o motivo da morte dos brasileiros.


Chadia Kobeissi

Jornalista formada no Líbano, em Beirute, com diploma revalidado pela USP e especialização em Civilização Árabe-Islâmica. Trabalhou como Correspondente Internacional para a Rfi, "Rádio França Internacional", que transmite também para a CBN do Brasil. Fundadora da Gazeta de Beirute, e autora do livro Estado Anti-Islâmico. Teve experiências incríveis em seus 8 anos de Oriente Médio, entendendo e desmistificando para o Ocidente, este outro lado do mundo.