“Do Rock a Compostela”: Maria Alice Medina lança livro sobre sua transformação após jornada espanhola

Autora fala sobre projeto inicial do Rock in Rio, o qual ajudou a construir com Roberto Medina, e revela a experiência de um reencontro com si mesma no Caminho de Compostela, trajeto que ela percorreu 13 vezes como peregrina

O caminho de Santiago de Compostela ganha um relato detalhado e sensível nas páginas do livro “Do Rock a Compostela – Às vezes se ganha, às vezes se aprende”, de Maria Alice Medina, que será lançado pela editora Vermelho Marinho no dia 27 de novembro, às 19h30, no Rio de Janeiro. A autora irá dedicar a noite para a sessão de autógrafos da obra, construída com as muitas vivências de seus mais de 19 anos de experiência como peregrina.

Nas 232 páginas, Alice apresenta a sua história com delicadeza e muito bom humor: de uma vida ligada a grandes espetáculos e artistas, para a simplicidade e iluminação de quem se descobre através da jornada espanhola, a qual ela já percorreu 13 vezes, a primeira delas em 1999.

“Mais do que um guia de viagens, este livro surge do desejo de realizar um trabalho autoral, onde posso compartilhar algumas experiências de vida e as muitas riquezas colhidas pelo Caminho a Santiago de Compostela. O Caminho é minha verdadeira paixão de vida, parte de mim vive lá! Quero mostrar um reencontro comigo mesma, fruto da reconexão com a natureza, e inspirar outras pessoas a também se redescobrirem”, revela Maria Alice.

Muitas são as rotas até a cidade medieval de Santiago, e Maria Alice conhece como poucos muitas delas, experiências das 13 viagens ao Caminho de Compostela. Paisagens deslumbrantes, história viva construída por cada um dos peregrinos que passam por lá, a magia que leva a um grande encontro com o seu eu. Tudo está neste livro, recheado de fotos inéditas da Espanha Rural e Medieval feitas pela própria autora, que dispensou a câmera e optou por usar um celular, conferindo um olhar diferente e autêntico sobre esse patrimônio cultural da Unesco.

Viajante permanente, universalista, praticante de meditação e amante das artes. Maria Alice é formada em Educação Física e Fisioterapia, profissões que a levaram a conhecer melhor o corpo, mente e a relação entre as pessoas, nos mais de 12 anos trabalhando em colégios e 18 em sua clínica particular. No livro, a autora pincela ainda alguns fatos de sua vida pessoal, como os vividos durante a união com Roberto Medina, idealizador do maior festival de música e entretenimento do mundo, o Rock in Rio, um evento que ela ajudou a tornar realidade.

“Com a experiência cosmopolita de quem participou de momentos importantes da história cultural brasileira, Maria Alice traz um livro diferente sobre o Caminho. É um convite para que você se dê um tempo e deixe-se levar por imagens captadas pelo seu clique fotográfico perspicaz e atento. Uma pausa para admirar a natureza, a história e as curiosidades que também são parte da alma brasileira, pois a Espanha tem tudo a ver com a América do Sul, onde nos inserimos”, comenta Tomaz Adour, editor do livro, acrescentando que a rica culinária espanhola também está lá, com muitas referências à mesa peregrina e seus sabores fortes, vinhos de buquê inigualável e doces irresistíveis.

Entre os colaboradores e amigos que participam da obra estão Nizan Guanaes, que assina a apresentação; Cristina Oiticica, com o prefácio; Jana Carvalho, responsável pela descrição do “Ser Peregrino”; e José M. Andrade, professor catedrático de História Medieval do Caminho, na Universidade de Santiago de Compostela.

Sobre a Editora Vermelho Marinho

A Editora Vermelho Marinho nasceu em 2010 com o projeto de publicar autores nacionais de qualidade, levando ao público brasileiro edições cuidadosas, a preços acessíveis. Em 2011, abriu o selo Llyr Editorial, especializado em literatura fantástica nacional, tanto infantil e juvenil quanto adulta. Em 2012, a editora adotou uma nova postura de mercado, continuando, por um lado, a dar destaque em seu catálogo a autores nacionais, enquanto, por outro, expandiu seus horizontes, publicando obras clássicas, acadêmicas e de divulgação científica. Surge então, em 2014, o selo O Melhor de Cada Tempo, que visa a publicar obras em domínio público que foram grandes sucessos em sua época, e que não têm edições brasileiras atuais, ou nunca tiveram. Neste selo temos tanto livros nacionais quanto estrangeiros traduzidos dos originais.

SERVIÇO:

Lançamento do livro “Do Rock a Compostela”
Casa Pau Brasil

Rua da Escola Politécnica , 42

Principe Real , Lisboa

Por: Ale Gomes