FGV indica que IPC-S recua na terceira quadrissemana do mês

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) divulgado hoje pela Fundação Getulio Vargas indica variação de  0,34%, ficando 0,08 ponto percentual (p.p) abaixo da taxa registrada na última medição.

Neste levantamento, cinco das oito classes de despesas que fazem parte do índice registraram decréscimo em suas taxas de variação. A maior contribuição partiu do grupo Alimentação (0,14% para -0,18%). Também registraram arrefecimento no período os grupos: Despesas Diversas (1,00% para 0,49%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,89% para 0,75%), Comunicação (-0,10% para -0,14%) e Vestuário (0,29% para 0,17%).

Nestas classes de despesa, vale destacar o comportamento dos itens: bilhete lotérico (40,62% para 20,55%), medicamentos em geral (2,35% para 1,92%), pacotes de telefonia fixa e internet (-0,52% para -0,69%) e acessórios do vestuário (0,58% para 0,19%).

Já os grupos Educação, Leitura e Recreação (-0,07% para 0,07%) e Habitação (0,29% para 0,42%) apresentaram avanço em suas taxas de variação.

O grupo Transportes repetiu a taxa de variação de 0,96% registrada na última apuração. As principais influências partiram dos itens: etanol (3,29% para 3,64%), em sentido ascendente, e tarifa de ônibus urbano (0,78% para 0,45%), em sentido descendente.


Moreira

Sugestões de pauta: pauta.economia.rede4news@gmail.com