Com recorde de público, Corinthians vence o São Paulo e conquista Paulista Feminino

Foto: Marcello Zambrano

Um dia para entrar na história no futebol feminino, neste sábado (16) a Arena Corinthians, em Itaquera zona leste da cidade, recebeu a grande final do Campeonato Paulista de Futebol feminino 2019. Mais do que um clássico entre duas tradicionais camisas do futebol brasileiro o jogo bateu o recorde de público no futebol feminino no Brasil.

Foram mais de 28 mil pessoas no estádio batendo o recorde anterior da Arena Amazônia, em 2017, quando 25 mil torcedores foram ao jogo entre Santos e Iranduba pela semifinal do Brasileiro daquele ano.

O lado triste fica por lado das entradas que não chegaram nas mãos da torcida, o Corinthians, mandante do jogo, anunciou uma carga de mais de 40 mil ingressos e todos foram distribuído de forma gratuita, mas grande parte acabou com cambistas. O recorde poderia ser bem maior.

O jogo

Em campo o duelo entre o Timão que conquistou o título da Libertadores em outubro e foi finalista do Campeonato Brasileiro deste ano, acabou derrotado nos pênaltis para a Ferroviária, contra o Tricolor paulista que investiu forte em nomes conhecidos como a atacante Cristiane (34) um dos maiores destaques da seleção brasileira dos últimos anos.

Melhor para o time da casa, que já tinha a vantagem do empate por ter vencido o jogo de ida por 1×0 no Morumbi. Com gols de Victoria Albuquerque, Juliete e Millene o Corinthians fez 3×0 e levantou a taça de forma invicta.

Jogadoras do Corinthians choram ao levantar a taça. Foto Bruno Teixeira

Com uma campanha impecável foram 20 vitórias, 67 gols marcados e apenas 9 sofridos, o timão ainda teve a artilheira do campeonato, Victória Albuquerque a atacante marcou 11 gols.

Mais que futebol

Quando se fala em futebol feminino o nome que vem a cabeça é, naturalmente, de Marta eleita melhor do mundo por seis vezes, um recorde entre homens e mulheres. Talvez o segundo nome de destaque seja Cristiane, a atacante de São Paulo, não conseguiu levar o tricolor ao título, mas esbanjou carisma mesmo com a torcida adversária.


Felipe Nascimento Cruz

Paulistano, com formação em jornalismo e publicidade. Um ex jogador de futebol que acredita que a comunicação pode mudar o mundo.